O momento decisivo

Os americanos têm uma boa expressão para isso: to catch lightning in a bottle. “Guardar um raio em uma garrafa”, na tradução menos poética. É quando o improvável acontece. Quando os planetas se alinham. Quando o caos encontra a ordem e, por um centésimo de segundo, tudo parece estar certo.

Na fotografia, este é o momento decisivo. Termo que será para sempre sinônimo de Henri Cartier-Bresson, um homem que precisa de pouca introdução. Foi fotógrafo, pintor e anarquista. Todos que seguraram uma câmera depois dele devem algo a este grande artista.

A frase “o momento decisivo” apareceu na introdução de seu primeiro livro, lançado na França em 1952 com o título Images à la sauvette (algo como “Imagens feitas às pressas”). Nos Estados Unidos, o mesmo livro ganhou o título The decisive moment, hoje artigo raro nas prateleiras de colecionadores e bibliotecas. 

Mas enquanto muitos acreditam que Cartier-Bresson tenha cunhado a frase, ela é, na verdade, um trecho da epígrafe do livro:

“Não há nada neste mundo que não tenha um momento decisivo.”

— Cardeal de Retz

E é este momento decisivo que muitos de nós buscamos quando saímos de casa com a câmera no pescoço.
– – –
Eu andava pelos becos estreitos de Fez, no Marrocos, quando vi estas crianças jogando futebol. Imediatamente levantei a câmera e comecei a clicar, me movendo de um lado para o outro, tentando enquadrar a bagunça de movimentos. Tive apenas três minutos antes que a minha presença atraísse a curiosidade dos moradores da rua e a mágica fosse desfeita. Três minutos bastaram. Foram, no total, 45 quadros de puro caos. Mas em um… aquela bola parecia estar no lugar certo.

Marcelo Salvador

Formado em design gráfico, Marcelo descobriu o gosto pela fotografia trabalhando como editor de arte na revista Vogue. O que era hobbie virou paixão e, desde então, Marcelo anda sempre com uma câmera em mãos, registrando momentos, lugares e pessoas. Autodidata, divide aqui seus cliques pessoais preferidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *